Conheça os benefícios oferecidos pela intradermoterapia facial e tonifique sua pele

19 de novembro de 2019

Conheça os benefícios oferecidos pela intradermoterapia facial e tonifique sua pele

Após os 35 anos, a pele começa a sofrer os efeitos da idade e até do estilo de vida da pessoa. Mas uma das formas de lidar com a perda de elasticidade e luminosidade da pele é optar por tratamentos que ajudem a retardar os efeitos do tempo, como a intradermoterapia facial.

Através desse artigo, você vai conhecer todos os benefícios dessa poderosa técnica que promete deixar sua pele muito mais jovial e tonificada. Leia até o final e saiba mais sobre o assunto.

O que é a intradermoterapia facial?

Trata-se da aplicação de compostos combinados como ácido hialurônico, DMAE, colágeno, elastina, vitamina C, ácido tranexâmico, dentre outros, diretamente na derme através de microagulhas.

A combinação desses compostos é sempre determinada pelo profissional especialista e vai depender da condição a ser tratada do cliente, bem como o objetivo estético a ser alcançado.

A longo prazo, a continuidade de sessões estimula a produção de colágeno, deixando a pele do rosto ainda mais tonificada e saudável. A intradermoterapia facial também pode ser associada com outras técnicas e pode ser feita em homens e mulheres.

Como é feita a aplicação?

O procedimento é realizado no próprio consultório ou em uma clínica de estética devidamente estruturada para esse fim. Primeiramente, é usado um anestésico na área da pele que será tratada.

Depois que o local estiver anestesiado, a técnica é realizada utilizando-se agulhas bem finas e curtas que vão inserir pequenas quantidades dos medicamentos no tecido subcutâneo.

Tudo vai variar com o objetivo do tratamento. Se camadas diferentes da pele do rosto forem atingidas, melhores serão os resultados e mais tonificada ela ficará, por muito mais tempo.

Duração das sessões

Assim como a maioria dos procedimentos estéticos, o intradermoterapia facial também é feito por sessões. O especialista, depois de uma avaliação minuciosa do seu caso, vai dizer a quantas sessões você deverá ser submetido, de acordo com seu objetivo estético.

Problemas um pouco mais simples como pequenas linhas de expressão, costumam melhorar com 1 ou 2 sessões. Quando o estado da pele for mais crítico, 3 a 4 sessões já resolvem o problema.

O tratamento dói?

A dor é muito subjetiva e pode variar de acordo com a região a ser tratada. Quando são pequenas áreas que podem ser totalmente anestesiadas, o procedimento não é doloroso.

Porém, clientes que necessitam de tratamentos em grandes regiões como as costas, por exemplo, acabam sentindo algum desconforto durante o as sessões de intradermoterapia facial.

Nesses casos, recomenda-se usar uma pomada anestésica antes de iniciar o procedimento. Na maioria das vezes, a dor é tolerável e o tratamento é feito sem complicações.

Benefícios do tratamento

Esse procedimento traz diversos benefícios para a pele do rosto. São eles:

  • Deixa a pele muito mais tonificada e firme;
  • Diminui os poros dilatados da face;
  • Melhora a qualidade da pele;
  • Combate as rugas e promove o rejuvenescimento da pele;
  • Disfarçar rugas e as linhas de expressão, especialmente aquelas ao redor dos olhos, na testa e no pescoço;
  • Ameniza manchas na pele;
  • Elimina estrias;
  • Ajuda a eliminar a flacidez;
  • Promove melhora da hidratação da pele em geral.

Quais cuidados devemos ter com a pele após a técnica?

Realizada a intradermoterapia facial, a pele trabalhada precisa receber cuidados especiais durante algum tempo, pois está bastante sensível. Veja os principais cuidados a serem tomados:

  • Evitar ficar exposto ao sol, pelo menos 2 semanas após ser submetido à técnica, para evitar machas;
  • Evite lavar o rosto com água quente, mesmo durante o banho, depois do procedimento;
  • Caso a exposição solar seja inevitável, use um protetor solar indicado pelo profissional especializado e evite, ao máximo, o sol entre as 10 da manhã e 4 da tarde.
  • Tomar bastante água para hidratar o organismo e ajudar no processo de cicatrização da pele, após o intradermoterapia facial.
  • Usar cremes cicatrizantes e filtro solar todos os dias para manter a pele sempre limpa e hidratada.
  • Nas primeiras 48 horas após se submeter ao procedimento não é recomendado usar maquiagem.
  • Se surgirem hematomas no local da aplicação, o uso de gelo ajuda a minimizá-los.

Vale lembrar que o profissional poderá utilizar produtos que aumentem os resultados, aplicando-os logo após a sessão.

Existem riscos ou contraindicações?

Os especialistas garantem que não existem contraindicações e que a maioria das pessoas que têm boa saúde pode realizar o procedimento. É claro que alguns casos devem ser analisados com extrema cautela, como as pessoas que fazem o uso de anticoagulantes, por exemplo.

Mas é fundamental que as pessoas saibam que todo procedimento invasivo oferece riscos e que durante a sessão, a pele é rompida pelas agulhas podendo causar infecções bacterianas, reativação de quadros de herpes, entre outras complicações.

Por isso, é tão importante que a intradermoterapia facial seja feita em uma clínica estética com a utilização de materiais estéreis e descartáveis a fim de garantir a sua segurança. Veja alguns casos em que o procedimento é desaconselhável:

  • Acne muito ativa com espinhas e cravos presentes;
  • Infecção por herpes labial;
  • Se o cliente estiver tomando remédios anticoagulantes como heparina ou aspirina;
  • Se o cliente tiver histórico de alergias a pomadas anestésicas locais;
  • Em caso de diabetes não controlada;
  • Se o cliente estiver realizando radioterapia ou quimioterapia;
  • Se o cliente possui alguma doença autoimune como HIV;
  • Caso o cliente seja portador de câncer de pele.

Nestas situações não é aconselhável realizar este tipo de tratamento sem antes consultar o especialista.

Quais são os resultados?

Os resultados da intradermoterapia facial começam a aparecer e serem percebidos, em média, 1 semana depois que o procedimento é finalizado.

Vale ressaltar que, depois de ser submetida ao procedimento, a pele fica marcada por causa das agulhas, mas essas marcas desaparecem com os dias.

Não se preocupe, pois a pele vai cicatrizando naturalmente com o estímulo da própria derme. Depois desse período, é possível verificar como ficaram os resultados definitivos.

Com a intradermoterapia facial, você pode perceber uma pele muito mais lisa, sem manchas, marcas, linhas de expressão, muito mais tonificada e bem menos flácida.

Ficou alguma dúvida? Envie-nos uma mensagem.
Você também pode agendar uma avaliação gratuita!

Ficou com alguma dúvida?
Deseja agendar um horário?

Deixe sua mensagem abaixo.

Fale Conosco
Fale com a Sensitivity
Olá, que bom ter você aqui.
Será um prazer receber seu contato ou sua dúvida